Pauta das 7

Campeão olímpico é pego no doping e pode ficar suspenso até 4 anos; saiba mais

Foto: reprodução
Foto: reprodução

O brasileiro Thiago Braz, campeão olímpico na Rio 2016 e medalha de bronze em Tóquio 2020, no salto com vara, foi suspenso provisoriamente pela Athletics Integrity Unit (Unidade de Integridade do Atletismo), após testar positivo para ostarina, droga utilizada para o aumento de massa muscular. A suspensão pode ser de até quatro anos.

Ostarina é a mesma substância que custou à equipe masculina britânica de revezamento 4×100 metros uma medalha de prata nos Jogos de Tóquio, depois que Chijindu Ujah testou positivo. A jogadora de vôlei Tandara também foi suspensa por quatro anos pelo uso da mesma substância.

Thiago Braz tem 29 anos e é um dos principais nomes do salto com vara no mundo. Além das duas medalhas olímpicas, ele tem uma prata no Mundial de Atletismo Inddor de Belgrado 2022. No último dia 16 de julho, ele competiu na etapa de Silésia (Polônia) da Diamond League e parou no sarrafo de 5.71m, terminando em sexto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *