Pauta das 7

Festival Virada Salvador: veja o que pode e o que não pode na festa

Foto: reprodução

A ordem para o Festival Virada Salvador 2024 é se divertir, mas com segurança. Para garantir a melhor experiência ao público de soteropolitanos e turistas que vão curtir a festa na Arena Daniela Mercury, no bairro da Boca do Rio, a partir desta quinta-feira (28), a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) divulgou um alerta com o que pode e o que não pode no espaço.

“A segurança do evento começa, prioritariamente, pelos ambulantes e, por isso, a fiscalização e vistoria será feita todos os dias para evitar que qualquer tipo de material venha trazer insegurança, colocando a integridade física das pessoas em risco”, afirma o diretor de Serviços Públicos da Semop, Alysson Carvalho.

De acordo com ele, serão mais de 200 agentes atuando diuturnamente, para atender as necessidades dentro da arena e fiscalizar a área externa.

O evento, que começou desde às 17h de hoje, vai até até segunda-feira (1º), com apresentações de mais de 100 artistas.

As orientações divulgadas pela Semop partem da Guarda Civil Municipal (GCM) e de agentes de fiscalização. A vistoria do público será realizada pela Polícia Militar nos portais de acesso.

O que pode no Festival Virada:

  • – capa de chuva
  • – copos e garrafas plásticas para hidratação
  • – *espumante (válidos apenas na noite da virada, o domingo (31), e dentro de vasilhames de plástico para quem desejar brindar com familiares e amigos)

O que não pode no Festival Virada

  • – entrar com bebida alcoólica
    – coolers e bolsas térmicas
    – objetos perfurocortantes
    – guarda-chuva
    – armas
    – objetos corrosivos ou inflamáveis, como gás
    – equipamentos de som e vídeo (exceto smartphones para uso pessoal)
    – materiais de teor ofensivo ou religioso
    – bastão retrátil para fotos (pau de selfie)
    – materiais publicitários ou profissionais
    – laser ou similares
    – megafone, buzinas ou instrumentos musicais
    – escadas
    – bancos
    – grande quantidade de papel higiênico
    – comercialização em locais proibidos, como carros de mão, carros-prancha, fogareiros, caixotes e churrasqueiras
    – embalagens reaproveitadas de louças, alumínio ou de vidro (devem ser substituídas por descartáveis)

Em nota, a Semop afirma ainda que a Guarda Municipal estará com 600 agentes dedicados ao evento, em apoio a outras secretarias e atentos a comportamentos e práticas inadequadas ao ambiente.

“É bom que as pessoas se lembrem de ficar atentas às dicas de segurança, às recomendações e às proibições para que todos possam brincar e se divertir em um ambiente seguro, respeitando o espaço do outro e a coletividade”, pontua o inspetor-geral da GCM, Marcelo Silva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *