Pauta das 7

3be93b73996910eac680351e6c5c

Nova Upinha Barris vai acolher 4,5 mil pacientes por mês

Foto: reprodução

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) inaugurou, na manhã desta terça-feira (12), a nova Upinha Barris, localizada ao lado da UPA Vale dos Barris, que chega com o objetivo de ampliar o atendimento aos casos suspeitos de arboviroses e síndromes respiratórias em Salvador. il. A unidade vai funcionar 24h por dia, de domingo a domingo, e tem capacidade de atendimento de 150 pessoas por dia, ou seja, 4,5 mil pacientes deverão ser acolhidos em por mês.

A estrutura possui tecnologia de ponta, sendo três consultórios, 13 leitos de observação e um leito de estabilização, sala de medicação, sala de coleta de exames laboratoriais e áreas de apoio administrativo. O local também tem comunicação visual diferenciada, com informações acerca da dengue e as formas de prevenção da doença.

A estrutura funciona com 18 profissionais, sendo três médicos plantonistas durante o dia e dois médicos à noite, dois enfermeiros, três técnicos de enfermagem, dois técnicos de laboratório, um bioquímico, dois auxiliares de serviço geral (ASG), dois administrativos e um apoio operacional.

A vice-prefeita e titular da SMS, Ana Paula Matos, esteve presente no início da operacionalização do equipamento e reafirmou o compromisso da SMS em garantir o cuidado preventivo e assistencial para os soteropolitanos.

“Aqui nessa Upinha vamos ter assistência aos casos clínicos, exames para verificar arboviroses como dengue, zika e chikungunya, e também a própria Covid-19, além de verificar os casos de sintomas gripais. Os sintomas são parecidos e as pessoas ficam também assustadas, então nesse equipamento a gente possibilita assistência clínica e, se necessário, há uma sala de suporte à vida. Assim ofertamos mais tranquilidade aos que mais precisam”, afirma a gestora.

Conforme Ana Paula, este ano a iniciativa foi antecipada visando fortalecer a prevenção. “Aqui não vamos tratar apenas as doenças respiratórias e doenças virais, mas também, as arboviroses, inclusive fazendo testagem. A gente está com toda uma lógica atendendo as pessoas, se precisar, no momento oportuno e, se necessário, abriremos os ‘dengários’, com os pontos de hidratação. Por enquanto são muito mais necessários a testagem e o cuidado clínico de modo geral”, completa.

Upinha Barris Foto Ascom SMS PMS2 1024x576 1
Foto: reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *