Pauta das 7

Patio de triagem do Porto de Salvador e interditad0031634200202403241828 7

Pátio de triagem do Porto de Salvador é interditado

Sinait notou a ausência de normas de segurança no equipamento Foto: reprodução

O pátio de triagem do Porto de Salvador, na Companhia da Docas do Estado da Bahia (Codeba), foi interditado após passar por uma fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego. O espaço é usado como estacionamento e apoio logístico dos veículos de carga e descarga de mercadorias, que acessam a zona portuária a partir da Via Expressa Baía de Todos os Santos, interligada diretamente com a BR-324.

Segundo informação divulgada pelo Sindicato Nacional dos Auditores do Trabalho (Sinait), na sexta-feira (22), as equipes notaram a ausência de normas de segurança no equipamento, que fica no bairro do Comércio.

A medida ocorre após o registro de um acidente no local, no dia 13 de janeiro deste ano. Uma motorista de caminhão, identificado como Edvaldo dos Saldos da Silva, de 62 anos, morreu após ser atropelado por uma carreta. Segundo testemunhas, o condutor não teria visto o idoso enquanto fazia uma manobra. O caso foi registrado como acidental na na 3ª Delegacia Territorial (DT/Bonfim).

A área passou por inspeção entre os dias 18 e 20 de março, e segundo a entidade, foi constatada situação de risco grave e iminente de acidentes no pátio de triagem.

Além disso, entre os problemas apontados estão falta de faixas de pedestres e sinalização, em geral, de observância às normas de trânsito e outros meios de organização viária para a segurança dos trabalhadores e veículos que operam o equipamento.

Segundo o Sinait, os motoristas que chegam ao Porto de Salvador aguardam no local sem limite de tempo de permanência, o que torna as condições de trabalho ainda mais inseguras.

O auditores constataram ainda que o único caminho reservado para os pedestres estava parcialmente obstruído por veículos estacionados, aumentando o risco de atropelamentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *