Pauta das 7

whatsapp image 2021 04 16 at 11.12.26

Rodoviários ameaçam deflagrar greve na próxima semana

Foto: reprodução

Empresários e rodoviários findaram a décima rodada de negociações sem acordo, tendo em vista que a categoria recusou a proposta de reajuste de 1,24% oferecida pelo sindicato patronal, em reunião realizada na terça (14). Com isso, os trabalhadores decidiram que vão seguir os ritos para deflagrar uma greve.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Rodoviários, Hélio Ferreira, a reunião que aconteceu hoje (15) “foi para ouvir o sentimento da categoria”, que, segundo ele, “já está preparada”.

“Foi [uma reunião] de muito debate, de mais de três horas, mas no final deliberamos pela construção da greve por tempo determinado”, iniciou. “A partir de agora ocorre esse rito jurídico para que a greve não seja julgada abusiva. A gente vai convocar uma assembleia para a próxima quarta-feira [22/5], às 9h, e sairão novas deliberações”, completou.

Até lá, ainda de acordo com Hélio, a categoria “vai pedir mediação do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), do Ministério Público e, se possível, até do Tribunal Regional do Trabalho, para tentar uma proposta que contemple os trabalhadores e evite a greve”.

“A gente não quer greve pela greve. A greve é a arma que a gente tem. A campanha salarial é um patrimônio do trabalhador rodoviário, então a gente não abre mão disso”, finalizou.

Os trabalhadores pedem um aumento de 4% acima da inflação e de 10% no ticket alimentação, além disso, a integração no transporte, a criação de um aplicativo para controlar as horas extras e a organização nas escalas de serviço. Eles também pedem adoção de medidas contra a empresa OT Trans, a qual a categoria acusa de recorrentes práticas de assédio moral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *