Pauta das 7

IMAGEM NOTICIA 3 17

Vitória atropela o Atlético-MG e sai da zona de rebaixamento

Foto: reprodução

Empurrado por mais de 15 mil torcedores, o Vitória venceu a equipe do Atlético-MG, na noite desta quinta-feira (20), por 4 a 2, e emplacou seu segundo triunfo seguido na Série A.  

Os gols do rubro-negro baiano foram marcados por Matheusinho e Willian Oliveira (2x) e Culebra. Scarpa, de pênalti, e Palácios descontaram. 

Com o resultado, os comandados de Thiago Carpini assume a 15a colocação, com nove pontos conquistados. Agora, o Vitória encara o Bragantino, no próximo domingo (23), às 18h30, no Nabizão.

O JOGO

O Vitória quase abre o placar logo aos dois minutos de jogo. Osvaldo fez boa jogada pela esquerda e encontrou Matheuzinho pelo outro lado. O meia ajeitou e solta uma bomba, mas a bola passou com perigo.

Aos 7, o Vitória abriu o placar. O lateral-direito Raul Cárceres cruzou para Matheusinho, que, da entrada da área, chapou com a perna esqueça marcando um lindo gol no Barradão.

Cinco minutos depois, o atacante Osvaldo cometeu um pênalti em Pedrinho. Scarpa foi o encarregado da cobrança e não desperdiçou a chance de igualar o marcador.

Por pouco o Galo não virá a partida aos 21. Zaracho arriscou de fora da área, a  bola desviou e por pouco não surpreendeu o goleiro do Vitória, que precisou fazer uma bela defesa. 

Aos 29, o garoto Alisson saiu cara cara com Lucas Arcanjo, mas parou no paredão Rubro-Negro.

Dois minutos depois, Pedrinho arriscou o chute colocado, mas não foi o suficiente para vencer Arcanjo. Mais uma boa defesa do goleiro do Leão. 

Aos 43, o Vitória voltou a ficar na frente do marcador.  Cáceres fez outra boa jogada e dessa vez encontrou o volante Willian Oliveira livre na entrada da área. O camisa 29 apenas ajeitou o corpo e chapou de perna esquerda. 

Segundo tempo

Logo aos quatro minutos da segunda etapa, o volante Gomes aproveitou sobra de bola na entrada da área e soltou a bomba. A bola bateu no travessão.  

Aos 20 minutos o Vitória marcou seu terceiro gol. Willian Oliveira, mais uma vez, recebeu cruzamento de Matheusinho, dominou na área e bateu firme. Sem chances para o goleiro Everson. 

Aos 30, o Vitória aproveitou o contra-ataque rápido e fechou o caixão. Culebra recebeu bom passe de Jean Mota e fez a festa da torcida. 

Dez minutos depois, o time mineiro diminuiu com Palácios. O atacante pegou o rebote de Arcanjo, bateu colocado no canto e deu números finais ao duelo. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *